Santuário Virtual

Online desde 2013

Santuário Virtual

Contador de Visitas

A lua agora

CURRENT MOON

OS SÍMBOLOS DO GÊNIO

Os símbolos do gênio formam uma espécie de alfabeto simbólico que facilita nossa comunicação com o supraconsciente.

Esse alfabeto é muito útil para nossa comunicação no Santuário Virtual, por esse motivo vamos nos aprofundar nestes símbolos para que possamos utilizá-los na realização de vários exercícios.

Eles nasceram dentro do Project Sanctuary da Dra. Silvia com o objetivo de simplificar nossas escolhas ao vivenciarmos seu projeto.

Ela escreveu o livro “The Genius Symbols” que pode ser encontrado no site da editora http://DragonRising.com.  Infelizmente ainda não existe tradução do manual para o português. Ela mantém um site sobre o assunto http://genius23.com que fornece os gifs dos símbolos que utilizo no resumo abaixo.

É muito gratificante e indispensável fazer o seu próprio jogo. Escolha 23 peças semelhantes entre si, de algum material que seja agradável ao toque e bonito para você. Podem ser pedras ou cristais rolados, sementes (como o meu jogo), cerâmica, etc. Entre no site e veja as idéias de conjuntos apresentados:

http://genius23.com/genius_symbols/genius_symbols_show_us_yours.htm

Você pode desenhar os símbolos sobre as peças, pintar, pirografar, entre várias outras idéias. Faça seu próprio conjunto. Capriche!

É muito simples entrar no santuário: pedimos por uma hora do dia, um lugar, uma época do ano; perguntamos qual é a vegetação, a paisagem; criamos um abrigo, chamamos um amigo ou mais e nossa mente de energia nos fornecerá as respostas dirigindo nossa atenção para o local correto do fluxo contínuo de dados.  E nós entramos no santuário.

 

A simplicidade do projeto e a quantidade infinita de escolhas com as quais nos deparamos, pode se tornar um problema. Podemos ficar imobilizados perante tamanha diversidade de dados. Como escolher diante tantas opções?

É nossa mente consciente que deve fazer essas escolhas, dar os primeiros passos para dentro do santuário. Sem essa atitude nada acontece. Então a Dra. Silvia passou dois meses procurando dentro do próprio santuário por alguma coisa simples e ao mesmo tempo bem aberta que ajudasse as pessoas a manter o foco. Durante esse tempo estudou e testou vários símbolos, até que eles se uniram e combinaram em um sistema de 23 e receberam o nome de Símbolos do Gênio.

O mais interessante desse conjunto de símbolos é que ele se originou da interação entre mente consciente e mente de energia, tornando-se uma linguagem simbólica para a comunicação entre as duas mentes, sendo este um dos principais objetivos do Projeto Santuário. Pode ser chamado de a “Pedra da Roseta” do Projeto Santuário de modo que podemos com eles transmitir e receber informações fluentemente entre a Mente Consciente e a Mente de Energia. Esse conjunto de símbolos é reconhecido e compreendido por ambas.

Cada símbolo é um portal para todos os níveis de interpretação. O contrato (a pergunta) estabelecerá qual o nível no momento da consulta.

Exemplo: O símbolo “ANIMAL” pode ser interpretado como: todo o reino animal, o espírito animal, animais na vida real, um animal específico, nossa relação com animais, aspectos nossos que tem relação com o reino animal…

 

OS SÍMBOLOS E RESUMO DO SIGNIFICADO DE CADA UM

 

ESPAÇO - O quadrado simples ou caixa é o símbolo para o espaço. No jogo clássico do Projeto Santuário este é o primeiro símbolo que usamos para estabelecer nosso objetivo ou intenção para a experiência. Ele nos leva  aos reinos do Santuário em que os acontecimentos irão se desenvolver.

O significado de espaço inclui muitas idéias, como distância, tamanho, localização, posição dos objetos… Pode indicar a necessidade do movimento de zoom: crescer para ver a situação de uma posição mais abrangente ou diminuir para penetrar na matriz de um cristal, ou viver em um átomo que se tornou um planeta.

O símbolo do espaço nos lembra que nós temos o poder de colocar os objetos no lugar que nós quisermos e que eles podem ter o tamanho que quisermos também. Que podemos viajar qualquer distância no piscar de um olho.

Relacionado a nós, espaço denota nossa habilidade de expandir,  esticar, viajar, alcançar e afetar  tudo em todos os níveis, incluindo espiritual, mental, emocional e físico.

 

TEMPO – No jogo clássico o primeiro símbolo ativo é o do tempo. Nós perguntamos: “Qual é a época do ano? Qual é a hora do dia?” para fixarmos as coordenadas do nosso habitat.

A forma deste símbolo é a de uma ampulheta ou símbolo do infinito em pé.

Pode estar pedindo que você preste atenção ao aspecto do tempo na estória ou charada, lembrando que se você se mover para a frente ou para trás no tempo pode entender melhor o que está acontecendo. Também pode indicar viagem no tempo ou uma conexão diferente com ele, como vidas passadas ou futuras.

Nos dias atuais, temos idéias muito limitadas a respeito do tempo e costumamos ficar  imobilizados tentando trazer o  passado de volta ou apressar ou retardar o fluxo do tempo. Podemos acreditar também que estamos atados ao tempo e que não podemos fazer nada a respeito disto.

 

A habilidade de nos movermos através do tempo livremente, para trás, para frente, para os lados (várias escolhas e seus desdobramentos) é uma das mais libertadoras para a mente humana, que na realidade não tem nenhuma limitação temporal.

 

CLIMA – Uma pequena nuvem é o símbolo do clima. No jogo clássico, depois de perguntarmos pelo “momento do dia” perguntamos pelo clima/tempo.

O clima é uma metáfora para muitas coisas, como  influências do ambiente que são cruciais para o desenvolvimento da estória.

Se você já viu um mapa do tempo ou uma imagem de satélite do planeta Terra com seus sistemas de nuvens em movimento, que trazem ventos e chuva, sol ou neve, frio ou calor, ar seco ou umidade,  pode entender a importância do clima para qualquer habitat.

Para situações de cura, por exemplo, precisamos do clima perfeito. Em muitas estórias, ao mudarmos as condições climáticas alcançamos as mais profundas ultrapassagens de limiar (threshold shifts).

Quando este símbolo aparece em uma estória ou charada, você está sendo convidado a prestar mais atenção aos aspectos climáticos ou trabalhar com eles mais intimamente.

Numa interpretação metafórica mais ampla, o símbolo do clima se refere aos nossos sistemas internos, que produzem energia para a vida, para a mudança e para todas as emoções.

Depois disto temos um desdobramento bem maior que indica o clima galáctico, tempestades solares, incluindo astrologia.

 

TERRA – PAISAGEM – As duas montanhas ou a ilha no oceano, se você preferir, é o símbolo que indica terra, chão, relevo, a paisagem em que sua estória está ambientada. O primeiro meio ambiente que mantém a estória coerente, a base necessária ao habitat em que você se encontra.

Se você pega este símbolo em uma leitura, ele dirige sua atenção para a estrutura que sustenta seu habitat e aconselha a olhar com mais atenção para ela.

O símbolo da terra inclui também desertos, rios, oceanos e também paisagens alienígenas. Lembre-se que até as montanhas mais altas sofrem mudanças através dos tempos e que este é um aspecto muito importante das paisagens.

Em um sentido mais amplo, a paisagem inclui as galáxias, as estrelas no céu, o planeta, o sistema solar, influências astrológicas e muito mais. Ela é o símbolo mais amplo da manifestação física no universo.

Como metáfora pessoal, refere-se às estruturas mais básicas das nossas próprias manifestações físicas e sistemas de energia.

 

PLANTA – A pequena árvore representa o reino vegetal. Ela não para por aí, representa a sustentação de toda a natureza.

O reino vegetal em um habitat é imensamente importante, como todos os ingredientes do santuário. Os tipos de plantas que você encontra lá, desde o mais minúsculo musgo à mais linda flor, à mais alta e antiga árvore, todos são componentes específicos do sistema de energia.

Em uma leitura geral, indica que você deve dirigir sua atenção para este reino para buscar soluções e orientações para o desdobramento seguinte.

Assim como todos os símbolos, aqui também observamos a Lei da Correspondência de Hermes Trismegistus: “O que está em cima é como o que está embaixo e o que está embaixo é como o que está em cima”.  Existem sistemas e circuitos dentro de cada ser humano que reagem com a floresta pura e verde,  sendo tocados e curados por ela.

 

ANIMAL – A forma animal se estende por todo reino animal, da menor bactéria à maior das baleias.

Animais são importantes para toda a ecologia da estória, mas tradicionalmente eles também são conhecidos como mensageiros, guias e trazem uma espécie de ajuda que equivale aos componentes animais que existem em nós.

O símbolo do animal sugere que você considere a importância da ajuda animal na sua estória ou pergunta

Em uma visão mais abrangente, as nossas partes que pertencem ao reino animal, nossa natureza animal ou instintos.

 

CRISTAL – Em geologia, os cristais fazem parte do reino mineral; em metafísica fazem parte de um reino próprio e estão separados do granito, mármore, que estão melhor representados pelo símbolo “terra”.

Cristais podem ser importantes catalisadores e podem agir como mensageiros, portais, fontes de poder e muito mais.

O símbolo do cristal abrange também as dimensões da pura lógica e ordem absoluta.

Se o cristal surgir na sua leitura, preste atenção a mensagens vindas desse reino, procure pela lógica, a estrutura subjacente, deixar distúrbios emocionais de fora, e ser “claro como cristal” ao observar as causas e efeitos da situação. Não pense nesta clareza lógica como sendo fria, pois existe um lugar onde amor e lógica se tornam um e o mesmo; e entrarmos neste lugar é uma das experiências mais poderosas possíveis.

Em relação a nós, metaforicamente, simbolizam nossos níveis de existência que ressoam com esta freqüência.

 

ANJO – O símbolo do anjo representa seres e forças superiores de todos os tipos ou ainda uma ajuda direta para o desenvolvimento da sua estória.

Estas forças superiores referem-se a “todos os poderes que existem” e ainda incluem aspectos da nossa própria mente, alma e personalidade que residem em um nível mais elevado e geralmente fora do alcance da mente consciente.

O símbolo do anjo simboliza também o(s) seu(s) Deus(es), seres espirituais e todos os entes para quem você reza.

 

AMIGO – Amigo é um termo que usamos para representar espíritos guia, entidades que nos ajudam, amigos invisíveis e toda espécie de ajudantes em potencial; conselheiros a quem nós podemos pedir ajuda e assistência.

Ter bons amigos e manter um relacionamento pessoal significativo com eles é central para o sucesso no santuário, pois, os amigos atuam como pontes entre seu consciente e os imensos reinos de energia.

Ao contrário de anjos ou pessoas, que têm características pessoais, os amigos estão no santuário única e exclusivamente para você. Eles andam ao seu lado e não tem outro propósito que não seja o de ajudar você incondicionalmente.

Se o símbolo do amigo, uma pequena pessoa usando uma espécie de túnica, aparecer na sua leitura, você está sendo convidado a chamar seus amigos ou pedir por um novo que possa ajudá-lo nessa sua missão.

Quando referir-se a você ou outro ser humano, pede que você reflita se está agindo como amigo no sentido mais elevado do termo.

Para você mesmo, pergunta se está agindo como amigo com relação a aspectos seus ou a você mesmo como um todo.

 

GENTE – O pequeno homem representa todos os tipos de seres antropomórficos desde  humanos na vida física ou que pertençam a um habitat, ao povo das fadas, duendes e até mesmo alienígenas.

Quando encontrar o símbolo de pessoa em uma leitura, deve prestar atenção aos seres inteligentes e ativos no seu eco-sistema e a como você está interagindo com eles.

Quando este símbolo se refere a você, deve se perguntar se está agindo e se respeitando como ser humano.

 

ESPÍRITO – O desenho do fantasma refere-se a espíritos, pessoas que já morreram, que estão do outro lado, ancestrais.

Espíritos podem ser invisíveis se você olha apenas para a superfície. Se este símbolo sair em uma consulta, significa que você precisa levar este reino em conta, porque existe algo relevante nele para você.

Em um sentido mais abrangente “o espírito da coisa” é uma qualidade bem diferente daquela que você vê com os olhos do dia (físicos) apenas; isso pode ser aplicado a qualquer coisa, pessoa ou situação.

 

ASPECTO – Cada indivíduo tem muitos “aspectos” que trabalham todos juntos e cujo resultado é sempre maior do que a soma das partes, como as múltiplas facetas de um diamante que podem aparecer em várias cores. Por isto o símbolo do aspecto é um triângulo, uma faceta do diamante que é você.

Aspecto pode personificar certos traços ou idéias; pode ser também de um tempo passado, vida paralela, passada ou futura.

Se este símbolo aparecer num jogo, preste atenção a quais aspectos seus estão mais envolvidos na estória porque eles podem ter a chave para a solução.

Tudo têm aspectos próprios; este símbolo pode sugerir que você considere os vários lados da estória ou mude seu ponto de vista para ver um quadro maior do qual o aspecto em questão é apenas uma parte.

 

CASA – Casas, prédios, construções, cabanas, casas flutuantes, tendas, qualquer tipo de abrigo vem com o símbolo da pequena casa.

Casas são feitas pelo ser humano (ou outro ser) e abrangem outros tipos de ambientes artificiais, os quartos, salas e subdivisões que existam neles.

Em muitos livros de sonhos antigos, e outras interpretações de símbolos, fala-se de uma correlação entre casa e corpo humano que aqui não é correta, pois o corpo humano é feito pela Ordem Criativa Natural, e sem dúvida não é artificialmente feito pelo ser humano.

Então, em termos metafóricos mais amplos e em termos de indivíduos, a casa pode simbolizar a construção da personalidade consciente, o ego ou sua auto-imagem, por exemplo.

 

ARTEFATO – O símbolo para artefato é um cálice, mas é claro que artefato pode ser qualquer objeto. Artefatos são portais para reinos de energia completos, portais para outro fluxo de eventos relacionado ao primeiro (onde ele foi encontrado).

A mente de energia tem maneiras de ajudá-lo a encontrar um artefato – pode ser algo intrigante para você, que chama sua atenção, ou algo que está ridículo ou fora de lugar. Você reconhecerá um artefato quando encontrar um deles.

Artefato é a manifestação de um conjunto de informações energéticas em uma forma física.

Também pode significar que uma idéia deve ser materializada ou que você deve manifestar um objeto material que servirá como portal para futuros desdobramentos.

 

O PRESENTE – A caixinha com as linhas diagonais é o símbolo para o presente. Um presente pode ser qualquer coisa, desde um planeta inteiro até uma delicada flor dada a alguém, a um amigo, a uma situação, a um habitat para torná-lo mais alegre, melhor, mais mágico ou mais funcional.

Pergunte: “Que tipo de presente eu posso dar?” E deixe algo vir até você. Lembre-se que este é um complexo coquetel de energia empacotado na forma de um presente que você pode manusear para dar  e receber.

Você também pode pedir para alguém que dê um presente a uma situação -  neste caso a situação será equivalente a um ente a receber o presente. Você também pode pedir que o presente lhe seja dado ou seja dado a alguém.

O Presente é justamente isto – um presente. NÂO é uma troca, essencialmente, por natureza, é algo que é dado sem condições, sem esforço e que não gera nenhuma dívida, sequer de gratidão.

É como um impulso que não procura retorno, incondicional por natureza.

Este símbolo também se aplica ao que você pode chamar de milagre.

Dar presentes é fácil. Um desafio muito maior é recebê-los com elegância.

 

COMÉRCIO – Troca. As duas moedas representam trocas ou comércio em geral.

Existe um local “Locus” criado no santuário chamado Pertineri Market que tem este símbolo. É um mercado intergaláctico e interdimensional onde todos os tipos de seres se reúnem para realizar trocas. É um habitat externo do Projeto Santuário compartilhado por todos os jogadores, para que possam negociar recursos, encontrar ajuda ou oferecer sua própria contribuição.

O comércio diz respeito a trocas de energia para que um equilíbrio seja alcançado que satisfaça ambas as partes e traga para elas iguais benefícios.

As duas moedas do símbolo sugerem que prestemos atenção a todas as formas de negócio ou troca no sentido mais amplo possível.

 

ASAS DE DRAGÃO – O símbolo das asas de dragão pede que a gente eleve a nossa atenção bem alto, acima da paisagem, para uma imagem maior, para o mundo dos padrões, dos moldes de energia, ou para a tapeçaria da estória.

No mundo dos moldes energéticos, as coisas parecem muito diferentes e geralmente é muito mais fácil ver o que está errado ou onde está o problema. Este mundo normalmente revela os componentes invisíveis ou influências da estória.

“Sobrevoar”, se colocar bem acima da situação atual, desenhando um mapa mental da estória e colocando todos os componentes em relação um com o outro, é uma maneira excelente para os principiantes começarem a ver os eventos de uma forma diferente e discernir os padrões maiores e subjacentes, compreendendo o quadro maior.

 

MAGIA – Magia tem como imagem uma espiral e é um símbolo muito importante para o Projeto Santuário.

Tudo no Santuário é pura magica, mas o quanto ela funciona e a qualidade dos resultados alcançados individualmente, depende do quanto nós conseguirmos nos LEMBRAR DELA quando estivermos vivendo as estórias.

Quando entramos no jogo com nossos preconceitos ou quando acontece uma falha da magia, isto é sinal de que nós estamos usando apenas uma pequena porcentagem da magia pura oferecida pelo Santuário e este símbolo nos relembra que devemos aumentar exponencialmente nossa magia.

A magia explode com as limitações das nossas percepções e pensamentos que foram treinados no mundo físico do dia-a-dia, nos colocando em contato com a Realidade Maior, que consiste em algo muito maior do que o mundo físico, muito, infinitamente maior.

 

POEIRA ESTELAR – Três pequenas estrelas, ou talvez flocos de neve, são o símbolo para a poeira das estrelas.

Existe um nível de existência onde tudo é puro potencial – minúsculas faíscas de pré-luzes cintilando em um espaço de veludo negro que contém o potencial para todas as coisas.

Se você salpicar uma pitadinha de poeira estelar ou poeira das fadas em qualquer situação, criará uma reconexão com aquele reino, e o potencial incrível de qualquer situação será revelado.

Existe um nível individual para este símbolo que é a ciência de que todos nós somos feitos totalmente de poeira de estrelas.

 

ALIEN – Existem muito mais coisas no Universo do que nós  humanos já experimentamos aqui na Terra e, quando nós cruzamos com o símbolo do alienígena, somos convidados a lembrar que o que nós pensamos ser razoável e racional pode ser apenas motivado por costumes e convenções locais. Por exemplo, nós pensamos em metal como sendo duro e frio, mas isto acontece apenas devido às condições de temperatura e gravidade a que estamos acostumados e que podem ser diferentes em outros locais.

Nós podemos esticar nossas mentes incrivelmente elásticas para obtermos uma nova perspectiva e assim receber informações importantes sobre o Universo maior.

O símbolo também pode indicar viagem a mundos alienígenas, contato com visitantes alienígenas ou influências de um mundo estranho a nós em geral.

 

FONTE – O símbolo da fonte indica pura energia criativa, as águas primordiais, as forças criativas que impulsionam o próprio Universo.

Se este símbolo aparecer em uma estória, traga para dentro dela a energia pura da criatividade; deixe literalmente a criatividade explodir como uma fonte nascida da base de pedras antiquíssimas para trazer vida nova a tudo o que toca.

 

DANÇA – Tudo é uma dança – ação e reação, movimento e contra-movimento, fluxo e refluxo.

A dança é sempre bonita e é sempre alegre.

As duas ondas entrelaçadas do símbolo da dança nos perguntam o que podemos fazer para aumentar nosso conhecimento da dança, e como nós podemos levá-la adiante em qualquer situação.

Este símbolo também diz respeito a movimento e evolução; ser leve sobre seus pés para poder se soltar do que o estaria prendendo.

É preciso pelo menos dois para dançar um tango. A dança nos relembra que as coisas não acontecem isoladamente, que existe causa e efeito e que nós devemos levar em consideração duas ou mais partes, se nós quisermos resolver os problemas.

É extremamente importante lembrar que a dança não é trabalho, é felicidade, uma expressão da vida e do amor pela vida.

 

LUZ – A estrela, sol ou flash de luz é o símbolo para a luz – aquela que dá vida para tudo, que nos encanta, que pode levar claridade para muitas situações, que pode nos iluminar se vivermos nela.

Este símbolo pode nos pedir para olhar para a situação sob uma luz mais elevada; olhar para a luz interior e se tornar leve; exatamente o oposto de estar deprimido, pesado e rígido.

Adicionando alguma luz extra a qualquer situação você pode revelar muitas coisas que estavam escondidas; curar, assim como explicar quase tudo.

 

A NECESSIDADE DA MANIFESTAÇÃO DE UM ECO-SISTEMA PARA INICIAR UMA ESTÓRIA NO PROJETO SANTUÁRIO

 

A mente consciente começa o jogo definindo o resultado almejado, criando uma espécie de contrato (ex.: leve-me para um lugar onde eu possa encontrar a solução para meu problema…); a mente de energia responde nos dando sua visão única de resolução sob a forma de visões que chamamos de estórias.  Na verdade ela fornece um fluxo de dados que são compostos de pura energia, mas que nós traduzimos através dos nossos seis sentidos como estórias que se desenrolam no tempo e transcorrem em um determinado espaço.

 

Quando você recebe um flash de uma visão, por exemplo, de uma mesa de frutas com todas as frutas do universo, multiverso e todas as suas infinitas dimensões, isto já é mais do que o suficiente para você pintar um quadro, escrever uma canção, fazer uma escultura entre outras manifestações artísticas.

 

Dar um passo para dentro da visão com total consciência é uma estória totalmente diferente. Esta é a estória do Projeto Santuário – o fluxo de eventos que define nossa interação com os reinos do Santuário.

 

Nós interagimos com o fluxo de dados através de estórias.

 

Você precisa entender que nada existe no vácuo.

 

Não pode haver – em termos de mente de energia – nenhuma mesa de frutas alienígenas simplesmente flutuando no espaço. Não é assim que funciona. Precisa existir um contexto, uma mesa, gravidade para apoiá-la em alguma superfície e impedir que as frutas saiam voando pelo ar.

 

Tudo precisa estar em algum lugar em algum tempo.

 

O contexto total faz parte integral de toda a estória. Você poderia contá-la assim: “Era uma vez, em uma galáxia distante, em um palácio que ficava em um pequeno planeta, havia um enorme salão com uma mesa imensa e sobre essa mesa todas as espécies de fruta vindas de todos os lugares e de todos os tempos…”

 

Tudo no Projeto Santuário tem uma estória e tudo é uma estória – dados, informação energética, energia que flui de um ponto para o outro, de um momento para o próximo. A verdadeira realidade está sempre se desdobrando, sempre evoluindo.

 

Quando nós entramos em uma visão, nós estamos entrando em um rio de eventos que se desdobram. Nós estamos dentro desse rio e nossa presença lá é adicionada aos eventos, tornando possível com isso, transformá-los também.

 

As estórias e visões vindas da mente de energia são traduções do fluxo de dados em formatos e ocorrências que nós podemos entender conscientemente. As estórias e visões do Projeto Santuário são rios de energia.

 

É importante nós lembrarmos disso antes de entrarmos no fluxo e esquecermos disso tão logo passemos a fazer parte da estória, isto é,  assim que começarmos a aprender, a escutar ou a mudar ativamente a estória em si , a visão ou os eventos energéticos.

 

Este processo é tão fácil e natural de que até mesmo as crianças conseguem entrar em uma estória, interagir com ela e fazer qualquer mudança que seja necessária.

 

Chamamos de contrato o ato de falar para a mente de energia o que nós queremos clara e diretamente.

 

Nós podemos perguntar qualquer coisa para a mente de energia.

 

Nós podemos pedir a ela que nos ajude com qualquer problema.

 

É importante sabermos que a mente de energia sempre nos dará respostas verdadeiras porque é assim que ela funciona.

 

Exemplos de pedidos para iniciar um diálogo com ela:

 

Querida mente de energia, me dê algo hoje que resolva meus problemas com meu ex-marido, filho, etc. de uma vez por todas…”

“Querida mente de energia, preciso de algo que faça meu novo projeto funcionar…”

“Querida mente de energia, me dê uma estória para que meu filho de cinco anos deixe de ser maltratado pelos amiguinhos da escola…”

“Querida mente de energia, me mostre um remédio para regular minha pressão arterial…”

 

Você pode colocar todos os “e”s que você desejar, porque não existe excesso de dados para a mente de energia. Exemplo:

 

Querida mente de energia, me dê algo hoje que me faça feliz e me ajude a permanecer casada e me dê mais liberdade e alegria e dinheiro e saúde e propósito na vida.”

 

Os símbolos: Espaço, Tempo, Clima, Terra, Planta, Animal, Casa, criam um eco-sistema que por sua vez fixa o Santuário, onde se desenvolverá a estória a partir do pedido feito, do contrato.

 

Os símbolos Artefato, Amigo, Presente também são muito úteis para quando nos encontramos bloqueados e não conseguimos responder à pergunta: “E o que acontece agora?”

 

Agora é com você: Mãos à obra! Faça seu próprio conjunto de Símbolos do Gênio e divirta-se! Fiz meu jogo com sementes de sucupira.

Data: 16/03/2013 9 Comentários

9 respostas para “Símbolos”

  1. Sergio Ballarini disse:

    Gostei do que vi! Parabéns pelo fascinante trabalho.

  2. Muuito interessante! É lúdico e intuitivo.

  3. Malu disse:

    Fico feliz porque vocês gostaram!!!

  4. marcia alves disse:

    talves colocado em palavras o que penso!!

  5. tania disse:

    Muito Criativo adorei.

  6. Armando Corazzari Filho disse:

    Estou digerindo aos poucos, procurando não resistir…feito criança…

  7. gilberto lamberti faria disse:

    INTERESSANTE,SÓ FALTA CONHECER MAIS…

  8. Luiza Tosold disse:

    Mãos à obra Giba!!!

  9. Luiza Tosold disse:

    teste

Deixe uma resposta